IMAGENS INÉDITAS E CHOCANTES! MULHER ESFAQUEADA NO PESCOÇO PELO COMPANHEIRO PEDIU AJUDA A VIZINHA ANTES DE MORRER: “ME AJUDA! O WELLINGTON ME MACHUCOU!”


29/09/19- Assassino covarde tira a vida da companheira com requinte de crueldade em Valparaíso de Goiás, na região popularmente conhecida como Entorno de Brasília. Após ser espancada ela ajoelhou no colchão e implorou para não morrer, mas acabou levando duas facadas no pescoço.

O domingo de sangue e morte acabara de amanhecer e por volta das 6hs a vizinha foi chamada pela vítima Jacenilde Almeida Correia, 25 anos, e ao olhar pela janela avistou a mulher ensanguentada e deitada num colchão, falando as suas últimas palavras antes de morrer: “Me ajuda! O Wellington me machucou!” 

A vizinha imediatamente acionou a Polícia Militar que chegou rapidamente, e quando os PMs olharam pela janela decidiram arrombar a porta para salvar a mulher, mas era tarde demais, Jacenilde estava morta.

O SAMU chegou em seguida e realmente constatou o óbito da triste vítima de mais um feminicídio. O crime aconteceu na Rua 10, quase em frente à Escola Aquarela, bairro Morada Nobre.

A Polícia Civil também foi acionada e as duas agentes Sonia Oliveira Mendes e Evanilda Aparecida de Souza foram ao local do crime e já iniciaram as investigações descobrindo que a vítima já tinha registrado duas ocorrências contra o companheiro Wellington dos Santos Silva, 27 anos, que, por duas vezes, agrediu a mulher em outras ocasiões. 

Rapidamente as agentes da Polícia Civil descobriram que o assassino estava escondido na casa de parentes na 1ª Etapa do bairro Céu Azul, onde juntamente com a Polícia Militar efetuaram a prisão em flagrante.

Ao ser interrogado na 2ª Delegacia de Polícia no Céu Azul, o assassino confessou o crime dizendo que ele a companheira ingeriam bebida alcoólica quando se desentenderam e iniciou uma discussão. Wellington disse que perdeu a cabeça e espancou a companheira, que desesperada ajoelhou no colchão implorando para não morrer, mas descontrolado ele desferiu duas facadas no pescoço da vítima. 
Em seguida ele trancou a porta com a chave e fugiu sem ser notado pela vizinha, que só ouviu o pedido de socorro quando era tarde demais.

 DESSA EQUIPE NÃO DA PARA ESCAPAR, FICA A DICA!


Nenhum comentário

TV Mário Prata

Tecnologia do Blogger.