Últimas Notícias

MINISTÉRIO PÚBLICO PEDE E JUSTIÇA ARQUIVA PROCESSO CONTRA SARGENTO PM MARTINS QUE AGIU EM LEGÍTIMA DEFESA DELE E DE OUTRAS PESSOAS

Goiás / Entorno de Brasília- Na época, o cabo Martins, hoje sargento, da Polícia Militar do Estado de Goiás, agiu em legítima defesa durante uma tentativa de roubo ao lado da lanchonete SubWay, que fica ao lado do posto de combustíveis Ipiranga, às margens da rodovia BR-040, na entrada da Cidade Jardins, em Valparaíso de Goiás, região popularmente conhecida como Entorno do Distrito Federal.
O fato aconteceu numa terça-feira, dia 18/03/14, quando, por volta, das 20 horas, três elementos em atitude suspeita entraram na lanchonete observando o ambiente, funcionários e clientes e aguardaram na fila.
Quando chegou a vez de serem atendidos, um deles disse ao atendente que iriam comprar vários lanches, e que iriam tocar o terror. O funcionário da lanchonete não entendeu a estranha conversa, até porque os marginais compraram apenas um lanche e foram embora da forma como chegaram observando o ambiente, funcionários e clientes.
O relógio marcava 22 horas quando os três retornaram e, novamente, entraram observando e um deles ajeitava algo na cintura como se fosse uma arma, tal como mostra o vídeo da câmera interna de vigilância.
Deu ruim para a bandidagem- Em seguida os bandidos saíram e do lado de fora ficaram observando o movimento dos clientes e, por volta das 23hs e 30min, decidiram roubar três carros que estavam estacionados ao lado da lanchonete.

Um veículo Golf estacionado de ré estava equipado com rodas esportivas, entre outros itens que atraem a criminalidade. No banco do motorista estava o então cabo Martins do 19º Batalhão de Polícia Militar de Novo Gama-GO e, conforme mencionado, atualmente ele é sargento. 


Com o seu tirocínio policial o militar percebeu a aproximação dos três pebas (marginais) e, quando apontaram as armas para anunciar o roubo, o sargento Martins foi rápido e preciso trocando tiros com os bandidos. O que estava mais próximo e armado com uma pistola calibre 380 foi atingido na barriga e na cabeça.
Covardes e medrosos- Os outros dois “malas” vazaram quando ouviram os pipocos disparados tanto pelo comparsa, quanto pelo policial militar, que reagiu em legítima defesa dele e das outras pessoas que seriam roubadas pelos “malacabados”.
 Socorro- Imediatamente o Corpo de Bombeiros foi acionado para salvar a vida do criminoso, que foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito. 


Pasmem!- Uma semana depois os outros dois pebas voltaram e assaltaram a lanchonete.
Legítima defesa- Após o inquérito policial, onde o MP-Ministério Público de Valparaíso de Goiás – solicitou que fosse realizada a reconstituição do fato conforme mostraram as fotos feitas pelo jornalista policial Mário Prata Netmídia e, após o laudo pericial e o conjunto de provas periciais e testemunhais o MP teve convicção plena e absoluta que o policial militar agiu em legítima defesa dele e outras pessoas.
Arquivamento- Por se tratar de legítima defesa o Ministério Público pediu e o poder Judiciário aceitou e mandou arquivar o processo contra o sargento Martins.
Apoio popular- Na época o caso teve grande repercussão na população e na imprensa, inclusive, no site policial TV Mário Prata chamando atenção da sociedade, que aliviada e agradecida reconheceu e apoiou a reação do policial militar.
 Bravura- Tendo em vista a repercussão, o apoio da sociedade e a reação instantânea, técnica e precisa do sargento Martins evitando que pessoas inocentes fossem roubadas e, talvez, feridas ou mortas pelos criminosos, merece que a Polícia Militar analise o caso e promova o policial por ato de bravura.
Mídia Policial- O sargento Martins já foi destaque em diversas reportagens do site policial TV Mário Prata e de outros veículos de comunicação, arriscando diuturnamente a vida para proteger a população ou fazendo doações de cestas básicas e outros itens de promoção social as Famílias carentes.
Em 2012, quando ainda era soldado, foi destaque numa reportagem onde ele estava abastecendo o seu veículo num posto de combustíveis também em Valparaíso de Goiás, quando se deparou com três assaltantes e novamente reagiu em legítima de defesa dele e de outras pessoas. Dois pebas foram a óbito e o terceiro fugiu.


Em 2017, o militar voltou a se destacar no noticiário policial, quando, novamente, agiu em legítima defesa. O PM Martins estava saindo de uma academia à noite, novamente em Valparaíso de Goiás, quando se deparou com três pebas num carro, que estavam roubando outro veículo. Mesmo estando sozinho e a pé, naquele momento, o policial militar trocou tiros com os pebas. Um criminoso foi baleado indo a óbito, e outro foi preso evitando que o veículo fosse roubado. O terceiro “malacabado vazou”.
______


Data: 16/11/18.
______

Para Meditar:Entregue o seu caminho ao Senhor; confie nele, e ele agirá:. (Salmos 37:5)
______

Grupos WhatsApp / Facebook / Site / Plantão 24hs: (61) 99142-6437 


VEJA OUTRAS FOTOS DA RECONSTITUIÇÃO



















 OUTRAS FOTOS DAS AÇÕES SOCIAIS

SARGENTO MARTINS É O HOMEM ARANHA E O PAPAI NOEL











Nenhum comentário:

Postar um comentário

TV Mário Prata

TV Mário Prata Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Imagens de tema por rion819. Tecnologia do Blogger.